Características Principais


Características Principais

As características principais da guerrilha que as forças portuguesas enfrentaram nos três teatros de operações eram a clandestinidade, a rusticidade, a mobilidade e a fluidez.
Os guerrilheiros apoiavam-se em bases, que serviam de refúgio e de ponto de partida para as suas acções e lhes garantiam a segurança; isto permitia a sua diluição na população local, a qual lhes fornecia os recursos logísticos e operacionais indispensáveis.
De modo geral, eram reduzidos os efectivos da guerrilha, o que exigia dos combatentes grande rusticidade e mobilidade. Estas características eram os seus maiores trunfos, já que neles se baseava a sua excelente adaptação aos terrenos difíceis, que conheciam melhor do que as forças regulares, mais pesadas e lentas. Esta excepcional fluidez foi a causadora de grande parte das dificuldades que as tropas portuguesas tiveram de enfrentar.
A organização das forças de guerrilha baseou-se em pequenas unidades, com efectivos variando normalmente entre os dez e os quarenta combatentes - patrulhas, grupos, bigrupos embora nos últimos anos da guerra, em Moçambique e principalmente na Guiné, se tenham formado unidades comparáveis a batalhões do Exército português, com quatrocentos a seiscentos homens, e, no estádio mais desenvolvido, alguns movimentos de libertação tenham criado estados-maiores, por vezes complexos, com elementos de apoio logístico, órgãos especializados de informação, de controlo ideológico (comissários políticos), de propaganda, de administração e de acções que costumam designar-se por assuntos civis.
Para as funções auxiliares de ligação, transporte, informação e segurança, as guerrilhas constituíram milícias com elementos das populações, que os apoiavam e serviam como primeira linha de interposição entre o exército colonial e as forças de libertação.
Como norma, as guerrilhas recusavam o combate decisivo contra forças superiores, iguais ou mesmo inferiores, procurando evitar um empenhamento estreito com as tropas regulares e retirando logo que possível, dispersando ou refugiando-se nas suas bases. A finalidade da acção militar dos guerrilheiros era contribuir para uma decisão e não para obter a vitória imediata.


Índice
1 - Características Principais
2 - Vulnerabilidades
Multi-média
» Guerrilheiros do...