Exército


Exército

Os exércitos convencionais são classicamente organizados em armas e serviços. As primeiras cumprem tarefas de combate, apoio de fogo e apoio de combate. Os segundos proporcionam o apoio logístico.

O Exército Português manteve durante a Guerra Colonial a tradicional divisão por armas: Infantaria, Cavalaria, Artilharia, Engenharia e Transmissões, apesar das novas missões que a guerrilha lhes impunha.

A adaptação das unidades que haviam sido organizadas e equipadas segundo a doutrina da NATO para uma guerra convencional, no teatro de operações europeu e dentro do contexto internacional do confronto Leste/Oeste, teve como principal consequência a sua «infantarização», isto é, tornarem-se semelhantes à infantaria, perdendo algumas das características que as distinguiam entre si.

Apesar desta «uniformização», as armas mantiveram diferenças e realizaram operações típicas da sua vocação original, mesmo em ambiente de guerrilha.


Índice
1 - Exército
2 - Cavalaria
3 - Artilharia
4 - Engenharia
5 - Transmissões
Multi-média
» Batalhão de...
» Armas de Infantaria